QUINTA DO VESÚVIO
  • vesuvio1
  • vesuvio4
  • vesuvio2
  • vesuvio3

A Quinta do Vesúvio é uma das mais magníficas propriedades do vale do Douro, localizada no Douro Superior. Os registos históricos mencionam o Vesúvio já em 1565. No entanto, foi no séc. XIX sob o comando de D. Antónia Adelaide Ferreira, que esta quinta adquiriu a sua reputação lendária. Em 1989, a Quinta do Vesúvio foi adquirida pela família Symington. Desde então, alguns dos melhores Portos Vintage do Douro foram aqui produzidos.
Passar um dia no Vesúvio, conhecer a sua casa que nos conta histórias, um almoço acompanhado dos seus vinhos, visitar a adega, é uma experiência absolutamente única.
Uma parceria exclusiva Miles Away / Symington Estates Family.

QUINTA DO BOM RETIRO

Adquirida em 1919 pela Casa Ramos Pinto, a Quinta do Bom Retiro, localizada no coração do Cima Corgo, vale do rio Torto, é uma das quintas mais antigas e românticas do Douro. Aqui é produzido um dos vinhos do Porto Tawny mais aclamado, o 20 Anos Quinta do Bom Retiro.
Imagine a possibilidade de ter este espaço só para si na companhia da sua família e amigos…visitar a adega, passear entre as vinhas, tomar um banho na piscina, desfrutar de refeições memoráveis ou passar uma noite ou mais nesta quinta secular.
Uma parceria exclusiva Miles Away / Adriano Ramos Pinto.

QUINTA DO NOVAL
  • noval-5
  • noval-6
  • noval-8
  • noval-1

Referenciada pela primeira vez em 1715, a Quinta do Noval foi comprada em 1894 por António José da Silva, mantendo-se nas mãos dos seus descendentes até 1993, ano em que foi adquirida pela AXA Millésimes.
A Quinta do Noval é o único exportador histórico de Vinho do Porto que tem o nome da sua vinha, beneficiando de uma localização privilegiada no coração do Vale do Douro, Cima Corgo, Pinhão. Dos vinhos aqui produzidos destaca-se o Quinta do Noval Vintage Nacional, o Vinho do Porto mais valorizado do mundo, cujas as uvas provêm de uma pequena parcela intocada pela praga da filoxera, um caso único em toda a região. Visitar o Noval é uma experiência incontornável.

QUINTA DO MONTE XISTO

João Nicolau de Almeida identificou a Quinta do Monte Xisto (Douro Superior, V. N. de Foz Côa) como um local extraordinário para a produção de vinho. Desafiando os seus filhos, inicia a plantação de 10ha de vinha em modo de produção biológico. Trata-se de um projeto familiar onde se conjugam as perspetivas e conhecimentos técnicos de duas gerações de enólogos.
Depois de conhecermos a quinta, as suas vinhas e as suas histórias, propomos uma refeição num terraço sobre o rio Douro, deixando que a tarde, ou a noite, caia sem preocupações, bebendo o vinho das vinhas que vimos.
Uma parceria exclusiva Miles Away / João Nicolau de Almeida & Filhos.

QUINTA DE ERVAMOIRA

A Quinta de Ervamoira, localizada no Douro Superior, Vila Nova de Foz Côa, foi adquirida pela Casa Ramos Pinto em 1974, transformando-se na primeira quinta moderna do Douro. Um projeto de José António Ramos Pinto Rosas, que desafiou o seu sobrinho, João Nicolau de Almeida, a repensar a abordagem vitivinícola no Douro. A visita à Quinta de Ervamoira pode ser feita através dos serviços da Casa Ramos Pinto, que proporciona visitas ao Museu de Sítio e/ou um almoço na Quinta. Em parceria com a Miles Away, é possível também jantar na Quinta.

QUINTA DOS BONS ARES

Em 1985 a Casa Ramos Pinto adquire a Quinta dos Bons Ares, no Douro Superior, Vila Nova de Foz Côa, com o objectivo de aí implantar um centro de vinificação, considerando fatores determinantes: a elevada altitude; a proximidade com a Quinta de Ervamoira; o solo granítico que produz uvas mais ácidas e frescas. Aqui é produzido, engarrafado e rotulado todo o vinho do Douro da Casa Ramos Pinto, nomeadamente o Duas Quintas, cujas uvas têm proveniência na Quinta de Ervamoira e Quinta dos Bons Ares.
Uma parceria exclusiva Miles Away / Adriano Ramos Pinto.

QUINTA DO CRASTO

As primeiras referências conhecidas da Quinta do Crasto, localizada no Cima Corgo, datam de 1615. Em 1981, Leonor Roquette e o seu marido Jorge Roquette assumiram a gestão da propriedade e, com a ajuda dos seus filhos Miguel e Tomás, deram início ao processo de remodelação e extensão das vinhas, bem como ao projeto de produção de vinhos Douro DOC pelos quais a Quinta do Crasto é hoje amplamente conhecida. A visita à Quinta do Crasto é uma experiência vínica de qualidade num enquadramento histórico e paisagístico único.

QUINTA DO VALLADO

A Quinta do Vallado, situada no Baixo Corgo, Peso da Régua, foi construída em 1716 e pertenceu à lendária Dona Antónia Adelaide Ferreira, mantendo-se até hoje na posse dos seus descendentes. Durante cerca de 200 anos os vinhos aqui produzidos eram comercializados pela Casa Ferreira. Foi em 1993 que a empresa decidiu alargar a sua atividade à produção, engarrafamento e comercialização de vinhos com marca própria.
Desde 2005 que a Quinta do Vallado recebe hóspedes no seu Hotel Vínico, composto pelo edifício histórico que contrasta com um moderno projetado pelo Arq. Francisco Vieira de Campos.